Acidentes rodoviários em Boston nos primeiros anos da circulação automóvel

Published On 10 de Junho de 2014 | Curiosidades

wreck2

Os acidentes rodoviários fazem parte (infelizmente) do quotidiano visual diário de milhões de condutores em todo o mundo.

E se hoje os automóveis estão cada vez mais seguros e mais evoluídos no capítulo de segurança o que dizer dos primeiros automóveis da história quando tinham acidentes rodoviários? As consequências eram devastadoras e dramáticas.

É aqui que entra um trabalho notável que um fotojornalista desenvolveu durante 40 anos num jornal de Boston (Boston Herald Newspaper) nos Estados Unidos num período antes da Primeira Guerra Mundial.

Leslie Jones de seu nome, fotografou inúmeros acidentes rodoviários nas estradas daquela cidade, que documentaram um crescente desenvolvimento e respectiva evolução do estilo de vida dos cidadãos americanos.

Com o aparecimento de várias marcas de automóveis, depressa se percebeu que o gosto dos americanos por estes veículos viria para ficar. Contudo isso trazia um problema já que com a aquisição de automóveis junto com a pouca experiência de muitos condutores e a ausência de dispositivos de segurança culminaram em muitos acidentes rodoviários com vítimas a lamentar.

article-2154369-13715F95000005DC-196_964x649

O espectro dos acidentes ia do simples toque entre para-choques até ao mais horrífico dos acidentes, algo que as imagens aqui exibidas tão bem ilustram e documentam.

Naquele período de tempo qualquer pessoa que tivesse dinheiro podia adquirir um automóvel e conduzir sem que lhe fosse exigido qualquer tipo de título de condução, experiência ou outro, e como tal os resultados não poderiam ser piores.

Temos que dar graça aos desenvolvimentos e investimentos efectuados pelos fabricantes de automóveis no capítulo da segurança nas últimas décadas quando olhamos para estas fotos e para o horror que muitos viveram naquele período onde definitivamente a segurança não era prioridade.

Sérgio Gonçalves
Latest posts by Sérgio Gonçalves (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.