Menu Fechar

Alpine A290, o hot hatch para a era eléctrica

A Alpine inaugura uma nova era com o lançamento do A290 – a era do carro desportivo elétrico em modo Alpine, respeitando os três pilares da marca: desempenho, agilidade e leveza, bem como o savoir-faire francês. O A290 é um novo ponto de entrada no mundo Alpine e inaugura a Dream Garage 100% eléctrica da Alpine. Um C-Crossover GT e o novo A110 juntar-se-ão ao A290.

O A290 integra num desportivo urbano todas as sensações tão apreciadas ao volante do A110. Desenvolvido em perfeita sintonia com o ADN da Alpine, o A290 é compacto e ágil, oferecendo altas performances fáceis de utilizar e garantindo uma utilização quotidiana confortável. A sua plataforma eléctrica derivada do Ampere e os serviços energéticos para otimizar a recarga doméstica, incluindo o Mobilize Power e a recarga bidirecional V2G, fazem dele parte de um ecossistema elétrico completo que oferece a melhor experiência possível.

Com o seu design de vanguarda, as suas características técnicas de primeira ordem, a sua conetividade ultra-completa e as suas numerosas possibilidades de personalização da condução, o Alpine A290 é um verdadeiro Alpine, uma nova geração concebida para abraçar a era eléctrica. Foi concebido para apelar a uma nova gama de clientes masculinos e femininos, alguns dos quais serão orientados para o desempenho, enquanto outros estarão mais focados no estilo. O A290 é montado na fábrica de Douai, no seio da ElectriCity. O motor elétrico é igualmente construído em França, na Megafábrica de Cléon. A bateria será produzida em França a partir do verão de 2025.

1-Um design exterior como pura expressão de desportivismo
As proporções desempenham um papel fundamental para dar a um automóvel urbano tão pequeno, com menos de 4 metros, uma aparência musculada, à altura do desempenho que proporciona. A plataforma AmpR Small proporciona uma excelente base para tal, reforçada por um alargamento de 60 mm da via para alcançar a presença visual desejada pela equipa de design da Alpine liderada por Antony Villain. Como resultado, o A290 pode oferecer a atitude de um hot hatch musculado pronto a entrar em ação. As suas dimensões permanecem muito compactas: comprimento 3.990 mm, largura 1.820 mm, altura 1.520 mm, distância entre eixos 2.530 mm.

O A290 tinha de oferecer um carácter distintivo na tradição das criações de Jean Rédélé… Um carácter marcado, antes de mais, pela sua assinatura luminosa única, reconhecível à distância e composta por quatro faróis, como em todos os modelos Alpine. Neste caso, apresentam motivos em forma de X que lembram os carros de rali e exibem automaticamente uma animação de boas-vindas quando o cartão mãos-livres é detectado quando o proprietário se aproxima.

A lista de elementos que contribuem para a expressão audaciosa desta carroçaria é longa: os guarda-lamas largos, as saias laterais com um subtil debrum na cor da carroçaria que as refina, o rebordo do tejadilho em alumínio (ou azul anodizado de série em versões específicas), a bandeira francesa opcional no pilar C, a antena de tubarão preta (de série), os logótipos dos guarda-lamas (consoante a versão), o contorno da carroçaria e os guarda-lamas lacados a preto, a linha distintiva que anima a porta traseira e, por fim, o difusor no para-choques traseiro. Na frente, o nome Alpine é explicitado e um motivo típico de floco de neve é integrado no para-choques desportivo exclusivo.

Em todas as fases do processo de conceção da carroçaria, o fator aerodinâmico foi tido em conta, o que é particularmente importante para maximizar a autonomia eléctrica. A procura da máxima eficiência moldou a entrada de ar no para-choques para criar um fluxo de ar benéfico, bem como as saias laterais largas, o difusor, as palhetas e a forma das luzes traseiras. O A290 não incorpora um spoiler de grandes dimensões que teria perturbado o fluxo traseiro, mas sim um “rabo de pato” na porta traseira para sublinhar o seu carácter desportivo.

As jantes de liga leve de 19 polegadas de série têm dois designs exclusivos. O design das jantes Iconic foi criado para fazer referência às jantes do Alpine A310. Em contrapartida, as jantes Snowflake recordam as origens do nome Alpine e estão disponíveis em preto brilhante, preto semi-diamante ou preto diamante. Um fundo azul por detrás do logótipo Alpine nas jantes está disponível como opção. As pinças de travão dianteiras Brembo monobloco de 4 pistões com a marca Alpine são as mesmas que as do A110. As pinças dianteiras e traseiras estão disponíveis em Racing Red ou Alpine Blue.

O catálogo inclui quatro cores de carroçaria, incluindo o novo Azul Alpine Vision, uma cor de assinatura a que foi dada uma profundidade especial para proporcionar um maior contraste entre as áreas claras e escuras. O A290 está também disponível em Preto Profundo, Branco Nival e Cinzento Tornado Mate. Uma edição Première limitada a 1.955 exemplares estará disponível no lançamento em 4 versões: Première Édition, Beta, La Bleue, La Grise.

Em 2023, a Alpine apresentou o seu show-car A290_β (A290 ‘beta’), uma antevisão do que viria a ser o A290 de produção. Foi revelado de forma espetacular com os pilotos da BWT Alpine F1 Team Pierre Gasly e Esteban Ocon. O carro de exposição interpreta as intenções de design para o A290, representando o primeiro modelo da Dream Garage da Alpine. Com dois motores dianteiros e vectorização de binário, homologação FFSA para utilização em pista, um posto de condução central e dois lugares de passageiro laterais, o A290_β foi concebido como um automóvel de competição elétrico da próxima geração. Concebido no mesmo espírito que o concept car Alpenglow, cultiva os códigos da marca, reinterpretados à luz da era eléctrica. Contém muitas das mesmas características que o A290 de produção, incluindo a típica assinatura visual em forma de X dos quatro faróis, os tratamentos distintivos das asas, as jantes Snowflake e os pneus Michelin concebidos para o efeito. No cockpit, o botão “Overtake” do volante permite um aumento de potência instantâneo.

2- Design interior: atmosfera do cockpit
O cockpit privilegia o desporto num ambiente exclusivo, típico do mundo Alpine, com a escolha de uma tonalidade Deep Blue. O cockpit orientado para o condutor e os seus visores do lado do passageiro, onde o nome do automóvel é apresentado em retroiluminação, são complementados por uma iluminação ambiente regulável. O volante, a consola e os bancos convidam-no a fazer-se à estrada. O A290 é uma pequena berlina animada, com 5 portas para um acesso fácil aos seus 5 lugares e uma generosa bagageira com 326 litros de capacidade.

Em primeiro lugar, o exclusivo volante desportivo de três raios, com um ponto médio achatado, é revestido em couro Nappa. Altamente esculpido e moderno, foi concebido com debrum acentuado para sublinhar o seu carácter desportivo e um aro de volante largo para uma melhor aderência. Inclui vários botões específicos em alumínio inspirados no mundo das corridas de Fórmula 1, com o botão rotativo RCH (de Recharge) à esquerda, para definir o nível de regeneração, os vários modos de condução à direita e o botão vermelho OV (de Overtake) imediatamente reconhecível acima. O volante também inclui comandos para os auxiliares de condução, telefone, assistente de voz e modo de visualização dos instrumentos. Existe também um painel de controlo áudio personalizado.

Um pedal desportivo e um apoio para os pés completam a ergonomia do posto de condução desportivo do A290. O ecrã central de 10,1 polegadas está inclinado para o condutor e os comandos físicos do ar condicionado podem ser ajustados sem tirar os olhos da estrada.

A consola central elevada entre os dois bancos é inspirada no design icónico do A110 e incorpora os comandos da transmissão RND. Cada detalhe desta área foi cuidadosamente considerado, com o nome do automóvel gravado no apoio de braço central, o grão “Snowflake” da Alpine na ranhura da chave e a consola estofada em pele Nappa topo de gama.

Os bancos, um componente fundamental de qualquer automóvel desportivo, são meticulosamente concebidos no A290. Oferecem um reforço lateral para um apoio extra sem comprometer o conforto quotidiano. Estofados em materiais amigos do ambiente, são um testemunho do nosso compromisso com a sustentabilidade. Nos primeiros níveis de acabamento, os bancos são estofados num tecido revestido granulado (15% de plástico reciclado e fibra de cânhamo) combinado com um tecido azul profundo 100% reciclado com costura de contraste em cinzento sílica e um logótipo A em forma de seta soldado eletricamente na secção superior do encosto. O painel de instrumentos, as partes laterais da consola central e os painéis das portas são acolchoados com um tecido de revestimento granulado.

Nas versões topo de gama GT Premium e GTS, os bancos, o painel de instrumentos e os painéis das portas são estofados em pele Nappa Deep Blue e Eevee Grey. A Alpine está gravada em relevo nos apoios de cabeça em pele e a A290 está bordada no centro do medalhão do encosto. Esta pele Nappa é adquirida na Europa e processada de forma sustentável. É curtida com vagens de café e agentes à base de plantas para o acabamento.

3- Plataforma e características dinâmicas: desportivismo acessível
O prazer de condução e a emoção de conduzir um hot hatch estiveram no topo da lista de prioridades dos engenheiros de desenvolvimento do A290. Neste primeiro Alpine de uma nova era, a propulsão eléctrica reforça a desportividade sem comprometer o conforto quotidiano.

A utilização de uma plataforma específica para a energia eléctrica, como a AmpR Small, oferece vantagens consideráveis na conceção de um modelo desportivo. Esta plataforma optimiza a distribuição do peso (menos peso no eixo dianteiro) e baixa o centro de gravidade. A bateria contribui para a rigidez do automóvel e o seu posicionamento maximiza o espaço interior. A arquitetura em forma de skate e o motor mais pequeno fazem com que a parte dianteira seja compacta. Naturalmente, isto proporciona um ambiente favorável à procura de um equilíbrio perfeito, com uma distância entre eixos curta que oferece maior vivacidade. Ao mesmo tempo, as vias largas aumentam a estabilidade e permitem a utilização de pneus maiores.

O motor do A290 provém do segmento superior, tal como Jean Rédélé o fez no seu tempo com o seu 4CV sobrealimentado transformado em A106. Aqui, com base na plataforma AmpR Small, o desenvolvimento foi imaginado ao estilo histórico da Alpine: na base existente, mudar o motor, adicionar tecnologias únicas com suspensão exclusiva, travões específicos, pneus e gestão de binário e, claro, o talento dos engenheiros da Alpine para a afinação. O resultado é um dos carros com melhor desempenho do segmento, com um tempo de 0-100 km/h de 6,4 segundos, até 220 cv e 300 Nm de binário, e um peso de apenas 1.479 kg. No entanto, o conforto e a praticidade são preservados neste citadino de 5 portas e 5 lugares, que mede apenas 3,99 metros, tem uma bagageira generosa de 326 litros e um raio de viragem limitado a 10,20 metros. O resultado é a melhor versatilidade imaginável no segmento B, com sensações emocionantes na utilização quotidiana. A história repete-se na era eléctrica.

Foi criado um sub-chassis do motor por medida para melhorar o posicionamento do motor, contribuir para o comportamento do veículo e proporcionar uma filtragem óptima. A sua conceção totalmente em alumínio e a escolha da dimensão da bateria contribuem para manter o peso do A290 nos 1479 kg, um valor particularmente competitivo. O baixo centro de gravidade limita o rolamento natural do A290, pelo que as regulações da suspensão não precisam de ir a extremos para manter o rolamento da carroçaria sob controlo. A utilização de suspensões feitas à medida, incorporando amortecedores hidráulicos, assegura um excelente nível de conforto, que é muito apreciado no dia a dia.

A adoção de uma suspensão traseira multi-link, rara nesta categoria, permite um ajuste particularmente fino da posição das rodas, conferindo ao A290 um comportamento topo de gama e uma extremidade dianteira altamente direcional. Contribui igualmente para a estabilidade nas curvas a alta velocidade, o que permitiu que o trabalho aerodinâmico se centrasse no arrasto, um fator crítico de eficiência.

As definições do chassis do A290 pretendem recuperar a sensação desportiva que faz parte do ADN da Alpine, com um compromisso entre agilidade e estabilidade concebido para conseguir um comportamento que seja simultaneamente reativo e controlável. As barras estabilizadoras dianteiras e traseiras personalizadas contribuem para este equilíbrio. O objetivo é que o condutor se sinta à vontade com o automóvel e que a sua condução seja divertida para todos. O resultado: uma sensação de estrada desportiva, com um eixo dianteiro incisivo que mantém tudo bem arrumado. O eixo traseiro é suficientemente móvel quando se tira o pé do acelerador em troços de estrada sinuosos, mantendo-se sempre controlável. Oferece uma excelente estabilidade em curvas rápidas, reforçando a sensação de segurança e controlo.

A sensação do pedal do travão foi muito trabalhada, garantindo um excelente controlo em todas as condições de condução. O seu comando by-wire assegura uma transição natural impercetível entre a travagem regenerativa e a travagem hidráulica, assegurada por um conjunto Brembo de dimensões generosas. A sensação de travagem degressiva, bem como a sua resistência e potência de travagem, estão em consonância com os elevados níveis de desempenho oferecidos pelo A290.

Um botão no volante ativa os quatro diferentes modos de condução Alpine: Save, Normal, Sport e Personal. Este último permite ajustar de forma independente o nível de assistência da direção, a resposta do acelerador, o ambiente de iluminação e o Alpine Drive Sound. Como resultado, os condutores podem explorar os limites com confiança, ajustando simplesmente o ponto de articulação para o equilíbrio entre a frente e a traseira, com uma ligeira elevação do pedal do acelerador para apertar gradualmente a trajetória. O Controlo Eletrónico de Estabilidade (ESC) pode ser totalmente desativado.

Os 26 sistemas de assistência ao condutor (ADAS) do A290 incluem monitorização da atenção do condutor, travagem automática de emergência em marcha-atrás, deteção de avanço e recuo com correção de faixa de emergência e saída segura dos ocupantes. Um novo botão My Safety Switch, localizado no lado esquerdo do volante, permite que os condutores seleccionem as suas preferências de configuração do ADAS com um único gesto, escolhendo, por exemplo, se querem ligar ou desligar o ADAS, o nível de intervenção e a presença de alertas sonoros. Além disso, um sistema de controlo de velocidade de cruzeiro adaptativo com função stop-go e uma função de saída da faixa de rodagem para permitir a passagem de veículos de duas rodas, por exemplo, são características de série do A290.

4- Grupos motopropulsores: desempenho e eficácia
Consoante a versão, o motor do Alpine A290 tem dois níveis de potência: 180 cv na versão base e no GT Premium, e 220 cv no GT Performance e no GTS. Em ambos os casos, a resposta do acelerador está calibrada para fazer do A290 um verdadeiro desportivo fácil de controlar, apesar dos elevados níveis de potência e binário do seu motor elétrico. O seu carácter desportivo é melhor expresso pela quantidade certa de potência aplicada ao pedal. A aceleração progressiva deve ser possível, como é o caso do A110, a configuração de referência aqui. O A290 não pretende ser caricatural, mas simplesmente demonstrativo, utilizável e eficaz. Em função do modo de condução selecionado, a amplitude de resposta altera-se, mas mantém-se o mesmo princípio de progressividade que, em última análise, conduz a um maior prazer de condução e a um melhor desempenho.

O binário instantâneo muito importante de um motor elétrico (300 Nm neste caso) deve ser controlado para otimizar a tração. É por isso que os engenheiros responsáveis pelo desenvolvimento do A290 desenvolveram um sofisticado sistema de gestão do binário a montante, a Alpine Torque Technology, que permite regular com precisão o fornecimento de um binário ótimo, bem como a ação dos travões para maximizar a tração.

O desempenho de primeira classe do A290 foi concebido para ser facilmente repetido, sem perda de potência, mesmo quando a capacidade da bateria diminui. As suas versões de topo aceleram dos 0 aos 100 km/h em 6,4 segundos, o que o coloca no topo da sua categoria.

Uma função de ultrapassagem controlada a partir do volante por um botão vermelho (denominado OV) fornece potência extra durante o tempo em que é premido e até 10 segundos. É necessário um tempo de recarga de 30 segundos antes de poder ser totalmente utilizado novamente. No entanto, após 15 segundos, é possível ativar o boost durante 5 segundos. Esta função, retirada diretamente do desporto automóvel e do mundo dos jogos, foi patenteada. Quando esta energia extra é libertada, o ecrã de instrumentos apresenta uma animação que simboliza a velocidade e uma indicação do tempo restante, enquanto uma animação dinâmica aparece no ecrã central do Alpine Telemetrics.

A potência de regeneração pode ser ajustada a partir do volante em quatro níveis, utilizando um botão físico marcado RCH (para Recharge). A primeira posição deixa o veículo em modo de roda livre completa. O nível 1 corresponde a uma travagem do motor semelhante à encontrada no A110, e os níveis 2 e 3 aumentam progressivamente o nível de travagem regenerativa, permitindo ao condutor escolher o modo de regeneração mais adequado aos seus gostos, estilo de condução ou condições de condução.

O A290 dispõe de uma função de controlo de arranque. Esta função proporciona a melhor aceleração possível a partir de um arranque em pé e é accionada através de um procedimento muito simples. A aceleração resultante é acompanhada de uma espetacular animação especial no ecrã de instrumentos.

Na ausência de ruído natural do motor num automóvel elétrico, a criação de um sistema de feedback sonoro para acompanhar a condução e fornecer informações directas sobre o esforço do grupo motopropulsor ajuda a aumentar as sensações e a melhorar a experiência de condução. É por isso que as equipas da Alpine, trabalhando com acústicos e músicos, criaram dois sons Alpine Drive Sound com diferentes frequências e intensidades baseadas nos sons gerados pelo motor. Estes sons são difundidos através do sistema áudio Devialet especialmente concebido para o A290. Para garantir a autenticidade, a Alpine desenvolveu o som do A290 com base nos harmónicos naturais do seu motor elétrico. O primeiro som, Alternative Sound, oferece um tom leve e desportivo, concebido para uma utilização quotidiana. O segundo som, o Alpine Sound, é intencionalmente muito desportivo, com um padrão sonoro único concebido para proporcionar uma imersão no A290, ajudando a estruturar as fases de condução. Ambos os Alpine Drive Sounds podem ser desligados e são independentes dos modos de condução.

Por último, o sistema de aviso acústico de veículos, ou AVAS, que é obrigatório até 30 km/h para avisar os peões da chegada de um veículo elétrico, foi também concebido com um som Alpine único.

5- Tecnologia: uma experiência digital envolvente
O ecrã de instrumentos de 10,25 polegadas atrás do volante e o ecrã central de infotainment de 10,1 polegadas orientado para o condutor, com os seus gráficos, interfaces e funções específicas, contribuem para a atmosfera única do A290. Esta experiência digital imersiva reflecte-se em temas visuais únicos, em consonância com a elegância desportiva do cockpit do A290.

Os códigos gráficos do painel de instrumentos virado para o condutor afastam-se dos tradicionais mostradores redondos para adotar um tema triangular com uma estrutura em arame. Este símbolo geométrico preciso permite visualizar de forma muito legível o nível de potência fornecida ou recarregada à esquerda e a velocidade à direita, incluindo uma linha vermelha que simboliza os limites de velocidade decifrados pelo sistema de leitura dos sinais de trânsito. O nível de regeneração é indicado na parte inferior do ecrã. A nova tipografia do mostrador de velocidade é simultaneamente nítida e arredondada e está inserida num fundo de ecrã azul com silhuetas de montanhas, uma das marcas registadas da Alpine.

São oferecidas quatro vistas diferentes: Iconic, com os dois triângulos que suportam as funções de medidor de potência e tacómetro, indicando a potência e a velocidade; Navigation, com o Google Maps; ADAS, que mostra a distância de segurança em relação ao veículo da frente, apresentando o A290 na cor da carroçaria com animações dos piscas e das luzes de travão; e Minimal, com informações básicas.

Dependendo do modo de condução escolhido, indicado na parte inferior do velocímetro, o fundo do ecrã muda o seu tema visual geral: Normal, Sport (a linha de cumeada da montanha fica vermelha), Save (a montanha fica verde) e Personal.

O ecrã central de alta resolução de 10,1 polegadas também apresenta temas gráficos e uma interface de utilizador coerentes com os códigos da Alpine. A conceção dos pictogramas, a tipografia e o fundo azul Alpine contribuem para a harmonia visual entre os dois ecrãs. O sistema Alpine Portal baseia-se no sistema Android Automotive conectado e nos Google Automotive Services. Foi concebido para ser fluido e potente e é continuamente atualizado à distância através da tecnologia FOTA (Firmware Over The Air). Simples e intuitivo, pode ser operado como um tablet, utilizando a sua superfície tátil ou o assistente de voz integrado. O ecrã apresenta permanentemente a barra de estado na parte superior (hora, temperatura exterior, rede, etc.), atalhos para os menus principais à esquerda (início, multimédia, telefone, aplicações, definições do automóvel) e os comandos do ar condicionado na parte inferior. A página inicial pode ser personalizada através de widgets.

A navegação GPS do Google Maps com um planeador de rotas elétrico é de série em toda a gama, tal como o assistente de voz Google Assistant. Está disponível um grande número de aplicações no catálogo Google Play. O Android Auto e o Apple CarPlay permitem ligar um smartphone ao sistema de bordo, com ou sem fios, e apresentar uma réplica do seu conteúdo.

A função Alpine Telemetrics permite aos clientes aceder a três categorias principais de serviços em função do seu A290: Live Data, Coaching e Challenges. Tal como uma aplicação para smartphone, a Alpine Telemetrics será actualizada através da Playstore, permitindo o acesso regular a novos conteúdos.

O Live Data apresenta os dados de condução de acordo com quatro temas diferentes:

Agilidade: Gs lateral e longitudinal, ativação do ABS/ESC, impulso de ultrapassagem.
Potência: monitorização da aceleração e da travagem (regenerativa ou hidráulica), recarga da bateria e potencial de impulso de ultrapassagem.
Resistência: consumo, energia acumulada e estado da bateria.
Circuito: tempos de volta, dados do automóvel (temperatura do motor e da bateria, pressão e temperatura dos pneus, temperatura dos travões), gravação de vídeo num smartphone com visualização dos dados de condução. Um botão permite gravar toda a sessão na aplicação Alpine Telemetrics para smartphone.
O Coaching fornece conselhos sobre como se familiarizar com o seu veículo, utilizar as funções da Alpine Telemetrics e melhorar as suas capacidades de condução. Ideal para aprender ao seu próprio ritmo, esta secção apresenta os reflexos básicos que deve adotar ao conduzir um veículo desportivo, como o seguimento dos olhos, o controlo da trajetória e as técnicas de travagem. À medida que progride, os conceitos abordados, como a gestão da deriva ao levantar voo, tornam-se mais avançados. A secção de condução é por vezes assinada com os nomes próprios dos engenheiros de desenvolvimento e dos pilotos do A290, que oferecem conselhos preciosos.

Challenges é uma série de desafios baseados na agilidade, potência e resistência. É uma abordagem claramente ao estilo dos videojogos, com nomes divertidos (“até ao infinito e mais além”, por exemplo) e níveis de passagem para progredir. Alguns desafios são completados em estradas fechadas (aceleração, travagem, percentagens do pedal do acelerador numa determinada distância). Em contrapartida, os desafios de resistência podem ser completados em estradas abertas, ajudando a ensinar a antecipação na condução.

A aplicação My Alpine para smartphone permite o acesso remoto a uma grande quantidade de informações sobre o veículo, incluindo a sua localização, quilometragem, autonomia, nível de carga da bateria e tempo de carga restante. Também é possível planear um percurso com base nas necessidades de recarga, programar a recarga ou o pré-condicionamento do habitáculo e ativar remotamente a buzina e as luzes. Pode também gerir o V2G (veículo para rede) e encomendar um Mobilize Chargepass.

A Alpine associou-se pela primeira vez à Devialet, a empresa francesa de engenharia acústica, para desenvolver um sistema de som personalizado para o A290. A experiência acústica da Devialet, baseada em mais de 250 patentes que protegem inovações radicais em matéria de som, é o fruto de 15 anos de engenharia de ponta e de I&D em acústica. Foi utilizada em três fases-chave do processo de conceção: dimensionamento do sistema e especificação dos requisitos do equipamento de som, contribuição com tecnologias de processamento de sinal exclusivas e afinação do som para criar quatro modos de audição.

Assim, a arquitetura – composta por um amplificador dedicado de 615 watts, um subwoofer de 20 cm, 2 x 2 woofers e tweeters (9 altifalantes no total) – inclui a tecnologia SPACE™, que garante uma experiência de som completa para todos os passageiros, independentemente do conteúdo que está a ser ouvido. Está associada à tecnologia patenteada SAM®, que assegura um controlo perfeito dos altifalantes. Estas duas inovações proporcionam a reprodução de som de alta fidelidade, pura e equilibrada caraterística da Devialet. O sistema também oferece quatro modos de audição que podem ser seleccionados de acordo com as preferências individuais: Fidelidade, Fala, Dinâmico e Pesado.

O sistema é combinado com a geração de sons do motor Alpine Drive Sound, difundidos através de um amplificador personalizado e reproduzidos pelo sistema de áudio. Esta opção está disponível a partir dos primeiros níveis de equipamento e é de série no GT Premium e no GTS.

6- Bateria e recarga: um ecossistema completo
O Alpine A290 vem equipado de série com uma bateria de 52 kWh, que permite uma autonomia WLTP até cerca de 380 km (dados finais a confirmar em homologação). Está incluída uma bomba de calor para otimizar a temperatura do habitáculo e preservar a autonomia. O sistema de carregamento rápido de 100 kW DC do A290 permite-lhe passar de 15 a 80% de carga em 30 minutos ou recuperar até 150 km WLTP em 15 minutos. Num ponto de carregamento AC, o seu carregador de 11 kW a bordo permite recarregar o veículo de 50% a 80% em 1 hora e 20 minutos, ou 70 km WLTP numa hora, ou 3 horas e 20 minutos para recuperar de 10% a 80% de carga. Este carregador incorpora uma função bidirecional que permite utilizar as funções V2L (veículo para carga) para ligar um dispositivo através da tomada de carga. É também compatível com V2G (veículo para rede), pelo que pode poupar dinheiro no carregamento em casa utilizando o serviço Mobilize Power.

A navegação GPS do Google Maps inclui o planeador de percursos eléctricos, que tem em conta o percurso, o nível de carga, a temperatura da bateria, o consumo em tempo real e o pré-condicionamento automático da bateria de tração para calcular o melhor percurso, optimizando as fases de recarga.

7- Gama e equipamento: quatro ofertas para encontrar o seu A290 ideal
A gama Alpine A290 é composta por duas versões, GT e GTS, e quatro propostas no total. A versão GT de base é equipada com um motor de 180 cv e, tal como os modelos de topo da gama, inclui uma bateria de 52 kWh, um carregador de bordo de 11 kW, um carregador de corrente contínua de 100 kW e uma bomba de calor. As jantes de liga leve de 19 polegadas Iconique estão equipadas com pneus especiais Michelin Pilot Sport EV, faróis totalmente em LED e cruise control adaptativo com função stop & go. Os seus bancos desportivos aquecidos são estofados numa mistura de tecido revestido e tecido granulado, o seu volante desportivo é revestido em couro Nappa e o pacote de infoentretenimento é completo. O Alpine Portal integra os serviços Google e a navegação com planeamento elétrico de rotas. O Android Auto e o Apple CarPlay podem ser ligados sem fios. Por último, para facilitar a experiência de condução diária, são disponibilizados de série auxiliares de estacionamento dianteiros e traseiros e uma câmara de marcha-atrás.

A gama é ainda reforçada por dois modelos complementares, o GT Premium e o GT Performance. O A290 GT Premium privilegia o conforto e o requinte com o seu tejadilho preto contrastante, vidros traseiros escurecidos e pinças de travão em Alpine Blue. No interior, possui um interior em couro Nappa, um sistema áudio premium Devialet com Alpine Drive Sound, um volante aquecido e um carregador de smartphone por indução. O espelho retrovisor interior é electrocrómico e os espelhos retrovisores exteriores são rebatíveis eletricamente.

O A290 GT Performance é ainda mais desportivo. Tem o motor mais potente (220 cv), pneus especiais Michelin Pilot Sport 5, pinças de travão vermelhas, monogramas pretos, espelhos retrovisores exteriores rebatíveis eletricamente e Alpine Telemetrics.

A versão topo de gama GTS combina o melhor das duas versões GT, acrescentando algumas características exclusivas como as jantes Snowflake pretas.

A290 GTS Premiere Edition: 1.955 exemplares excepcionais
A série limitada “Premiere Edition”, que estará disponível a partir do lançamento do Alpine A290, será proposta na versão Premiere Edition, bem como em três versões exclusivas: Beta, inspirada no carro de exposição A290_β com cores contrastantes de branco e preto, La Grise e La Bleue. No total, serão produzidos 1.955 exemplares, um número simbólico que evoca a criação da marca Alpine por Jean Rédélé. O que todos têm em comum é uma decoração exclusiva, equipamento extra e uma placa de edição limitada na consola central

Sérgio Gonçalves

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.