Menu Fechar

BP ULTIMATE RALLY RAID PORTUGAL: JOÃO RAMOS COM DOIS INTUITOS NA PROVA MAIS DESAFIANTE DO ANO

Determinada a ter protagonismo no BP Ultimate Rally Raid Portugal (3/7 abril), segunda prova do Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno | AM 48 (CPTT) que este ano integra o Campeonato do Mundo FIA de Rally-Raid e por isso traz ao nosso país os melhores pilotos da atualidade, a dupla João Ramos/Jorge Carvalho não esconde que aspira a lutar em duas “frentes” distintas, aos comandos da Toyota Hilux T1+, para conquistar o melhor resultado possível.
 
Segundo classificado na abertura do CPTT, no passado mês de março, em Beja, o piloto da Toyota Gazoo Racing Caetano Portugal confessa-se motivado a poucos dias de alinhar na competição organizada pelo Automóvel Club de Portugal.
“Com uma lista de inscritos que reflete o expoente máximo, em termos de equipas oficiais e de pilotos, do Mundial de Rally-Raid, esta baja será, sem sombra de dúvidas, a mais desafiante do nosso campeonato, superando a de Portalegre”.
 
João Ramos está consciente da forte oposição que enfrentará nas estradas de terra e de areia da primeira edição deste BP Ultimate Rally Raid Portugal, mas promete não baixar os braços:
“Quando às nossas aspirações, claro que irei concentrar-me, em primeiro lugar, na obtenção de um bom resultado para o Campeonato de Portugal de Todo-o-Terreno, mas, paralelamente, também ambiciono lutar com os concorrentes do Mundial. Sinto uma grande motivação para o fazer e, embora sabendo que não temos o mesmo ritmo, pelo número de provas que realizam, iremos fazer tudo para lhes oferecer uma boa réplica”.
 
A prova do CPTT na BP Ultimate Rally Raid Portugal, organizada pelo Automóvel Clube de Portugal, tem início em Grândola, centro nevrálgico da competição, na manhã da próxima quarta-feira (3 abril), com a disputa do prólogo (5 km). De tarde (15:00) correm-se o Setor Seletivo (SS) 1 (148 km) e mais ao final do dia (18:00) o SS2 (3 km), este último com transmissão televisiva em direto. Na quinta-feira de manhã (10:30), o terceiro e último SS (230 km) encerrará a competição do campeonato português.
A competição FIA prossegue até domingo, com mais três etapas, totalizando, ao fim de cinco dias, 1.008,87 km ao cronómetro.

Sérgio Gonçalves

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.