F1 – GP da Alemanha

Published On 7 de Julho de 2013 | Desporto

123618

O alemão Sebastian Vettel três vezes campeão em título conseguiu finalmente o tão ambicionado triunfo em “casa”, ainda que não tenha tido a vida facilitada já que os monolugares da Lotus rodaram sempre de forma competitiva. Como prova disso, terminaram muito perto do monolugar da Red Bull ocupando os restantes lugares do pódio.

E a emoção deste grande prémio teve em grande parte reservado para o final da corrida, quando a determinada altura o trio da frente teve que parar nas boxes e as diferenças de tempo entre os três monolugares da frente eram mínimas. Se Vettel cometesse um erro por mais pequeno que fosse poderia perder o primeiro lugar para Raikkonen ou para Grosjean.

Ainda assim o piloto alemão da Red Bull não vacilou, manteve a calma e rigor necessários para travar qualquer ataque dos Lotus. Numa primeira fase teve que conter os ataques de Grosjean e já no fim da corrida, nas últimas voltas teve que se proteger das tentativas de Raikkonen.

Conseguindo mais uma vitória este ano, Sebastian Vettel reforça ainda mais a liderança no campeonato de pilotos, e torna-se no mais sério candidato ao título desta temporada de Fórmula 1.

226647

O seu principal rival no campeonato terminou a prova na quarta posição. Fernando Alonso nunca revelou andamento suficiente para se chegar ao trio da frente. Alonso já se encontra a 34 pontos no campeonato de Vettel, e viu agora Raikkonen aproximar-se no campeonato, estando a apenas 5 pontos do piloto da Ferrari.

Lewis Hamilton terminou a corrida em 5º lugar, e teve grande parte da corrida a lutar para subir posições, onde teve que batalhar com vários pilotos mais lentos. Mantém o 4º lugar no campeonato de pilotos, mas cada vez mais longe dos principais candidatos ao título.

Quem terminou logo a seguir (6º) foi Jenson Button que fez uma corrida ao ataque terminando à frente de Mark Webber. O piloto australiano da Red Bull teve um episódio caricato e que lhe custou muito tempo. Webber numa das paragens nas boxes, uma das rodas do seu monolugar soltou e atingiu mesmo um repórter de imagem que se encontrava perto. Com esta situação desceu para a última posição, contudo fez uma excelente recuperação o que lhe permitiu terminar em 7º. Pode ver o video do incidente mais em baixo.

O próximo Grande Prémio realiza-se na Hungria na pista de Hungaroring no fim-de-semana de 26 de 28 de Julho.

Classificação Final:
1. Vettel Red Bull-Renault
2. Raikkonen Lotus-Renault
3. Grosjean Lotus-Renault
4. Alonso Ferrari
5. Hamilton Mercedes
6. Button McLaren-Mercedes
7. Webber Red Bull-Renault
8. Perez McLaren-Mercedes
9. Rosberg Mercedes
10. Hulkenberg Sauber-Ferrari
11. Di Resta Force India-Mercedes
12. Ricciardo Toro Rosso-Ferrari
13. Sutil Force India-Mercedes
14. Gutierrez Sauber-Ferrari
15. Maldonado Williams-Renault
16. Bottas Williams-Renault
17. Pic Caterham-Renault
18. van der Garde Caterham-Renault
19. Chilton Marussia-Cosworth

ABANDONOS
Vergne Toro Rosso-Ferrari
Bianchi Marussia-Cosworth
Massa Ferrari

PILOTOS:
1. Vettel 157
2. Alonso 123
3. Raikkonen 118
4. Hamilton 97
5. Webber 93
6. Rosberg 84
7. Massa 57
8. Grosjean 41
9. Di Resta 36
10. Button 33
11. Sutil 23
12. Perez 16
13. Vergne 13
14. Ricciardo 11
15. Hulkenberg 7

CONSTRUTORES:
1. Red Bull-Renault 250
2. Mercedes 181
3. Ferrari 180
4. Lotus-Renault 159
5. Force India-Mercedes 59
6. McLaren-Mercedes 49
7. Toro Rosso-Ferrari 24
8. Sauber-Ferrari 7

Sérgio Gonçalves

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.