Grande Prémio da Malásia de F1

Published On 24 de Março de 2013 | Desporto

F1-malasia

O campeão em título Sebastian Vettel encontrou-se novamente neste grande prémio com as vitórias na Fórmula 1. Numa corrida em que o alemão não olhou a meios para derrotar o seu colega de equipa Mark Webber, algo que no fim da corrida gerou uma troca acesa de palavras entre os dois e que deixou os responsáveis da marca (Christian Horner e Adrian Newey) com os cabelos em pé durante a corrida.

Ainda assim não houve nenhum toque ou acidente entre ambos, e permitiu ao alemão ganhar a sua primeira corrida deste ano. Ainda que o alemão já tenha pedido formalmente desculpa ao australiano. No pódio houve ainda assim uma certa tensão difícil de esconder entre ambos e poderá criar outros focos de conflito nas próximas provas.

Enquanto a equipa Red Bull conseguiu uma “dobradinha”, os restantes lugares seguintes foram obtidos pela equipa Mercedes, um resultado que exibe a evolução dos monolugares da equipa alemã. Lewis Hamilton terminou da corrida à frente de Nico Rosberg.

E também aqui houve alguma “polémica” entre pilotos e equipa. O piloto alemão repetiu várias vezes via rádio que se encontrava a rodar mais rápido que o piloto britânico, e pediu aos responsáveis autorização para passar para a frente do seu colega de equipa, mas o patrão Ross Brawn não o permitiu. A estratégia passava por terminar com os dois monolugares, pois a razão do andamento inferior de Lewis Hamilton era também pelo facto de ter recebido ordens de equipa para abrandar o ritmo.

Os Ferrari tiveram uma corrida abaixo das expectativas. Felipe Massa foi apenas quinto classificado, e realizou uma corrida ao ataque de forma a recuperar lugares durante toda a prova, e o 5º posto só foi mesmo conseguindo na parte final da prova.

Já o ex. campeão do mundo Fernando Alonso abandonou a corrida depois de logo no início ter dado um toque na traseira do monolugar de Vettel. Como danificou a asa dianteira, mais tarde esse componente acabaria por ser soltar, obrigando o espanhol a sair de pista e a terminar assim a prova malaica.

Em sexto classificado ficou Romain Grosjean em Lotus, conseguindo terminar a corrida à frente do seu colega de equipa Kimi Raikkonen, que não conseguiu repetir a vitória da última prova. Cometeu vários erros em prova, e isso acabou por ser decisivo na procura de alcançar um resultado mais positivo.

Classificação Final:
1. Vettel Red Bull-Renault
2. Webber Red Bull-Renault a 4.298s
3. Hamilton Mercedes a 12.1s
4. Rosberg Mercedes a 12.640s
5. Massa Ferrari a 25.6s
6. Grosjean Lotus-Renault a 35.5s
7. Raikkonen Lotus-Renault a 48.4s
8. Hulkenberg Sauber-Ferrari a 53.0s
9. Perez McLaren-Mercedes a 1m12.3s
10. Vergne Toro Rosso-Ferrari a 1m27.1s
11. Bottas Williams-Renault a 1m28.6s
12. Gutierrez Sauber-Ferrari a 1 volta
13. Bianchi Marussia-Cosworth a 1 volta
14. Pic Caterham-Renault a 1 volta
15. van der Garde Caterham-Renault a 1 volta
16. Chilton Marussia-Cosworth a 2 voltas
17. Button McLaren-Mercedes NT
18. Ricciardo Toro Rosso-Ferrari NT
19. Maldonado Williams-Renault NT
20. Sutil Force India-Mercedes NT
21. Di Resta Force India-Mercedes NT
22. Alonso Ferrari NT

Pilotos
1. Vettel 40 pontos
2. Raikkonen 31
3. Webber 26
4. Hamilton 25
5. Massa 22
6. Alonso 18
7. Rosberg 12
8. Grosjean 9
9. Sutil 6
10. Di Resta 4
11. Hulkenberg 4
12. Button 2
13. Perez 2
14. Vergne 1

Sérgio Gonçalves

One Response to Grande Prémio da Malásia de F1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.