Lexus IS300h

Published On 6 de Março de 2013 | Novidades

lexus-is300

A Lexus aproveitou o Salão Automóvel de Genebra para lançar uma versão exclusiva, tendo unicamente como alvo o mercado automóvel europeu. E o modelo (IS300h) escolhido para o efeito é o pioneiro a usar esta tecnologia na gama IS.
Ainda que o novo modelo IS não seja uma novidade, já que tinha sido apresentado no Salão do Automóvel Internacional Norte Americano que ocorreu em Janeiro deste ano, esta será a primeira vez que a marca lança o primeiro IS a ser equipado com a premiada tecnologia híbrida Lexus Hybrid Drive.

Assim este modelo vai estar disponível com a sigla IS300h, o que significa que para além do seu motor de seis cilindros em V com 2,5 litros de capacidade, irá contar com os préstimos de um motor eléctrico.

A sua potência total combinada é de 223 cavalos e é transmitida ao solo através de uma caixa de velocidades de variação continua (Electric Continuously Variable Transmission – E-CVT).

O Lexus IS 300h consegue cumprir o tradicional arranque dos 0 a 100 km/h em apenas 8,3 segundos e atinge uma velocidade máxima de 200 km/h. Apesar destes valores a marca afirma que o modelo tem baixos consumos e emissões. O consumo declarado é de apenas de 4,3 l/100km e as emissões de CO2 ficam-se por 99 g/km o que permite ser o mais eficiente no segmento D Premium.

Para não prejudicar a capacidade de bagagem, a bateria deste Lexus encontra-se localizada por baixo da área de carga, e com isso tem a mesma capacidade em litros do IS 250.

A Lexus pretende que o IS300h seja desportivo q.b., e para isso dotou o seu modelo com um sistema Active Sound Control, que basicamente produz um som de motor artificial no interior do automóvel.

Dentro do IS300h encontra-se um selector com vários modos de condução, que tem como particularidade, alterar o caracter do motor. Existe o modo eco, o normal, dois desportivos, e o tradicional modo EV (eléctrico) característico dos modelos híbridos da Lexus e de outros modelos da Toyota.

Existe a possibilidade de adquirir a versão F-Sport, que acrescenta mais desportividade ao modelo. E consiste em opções como as cores para a carroçaria Ultrasonic Blue e White Nova, um kit desportivo para a carroçaria, jantes de 18 polegadas, um painel de instrumentos digital inspirado no LFA, bancos desportivos, volante desportivo em pele, pedais em alumínio e costuras na cor preta para o habitáculo. No interior também existe a possibilidade de o personalizar com a cor Dark Rose. No capítulo dinâmico, a versão F-Sport conta com uma direcção hidráulica e uma suspensão adaptável.

Este importante modelo da marca japonesa só estará disponível na Europa no final do ano, e ainda não foram revelados os preços.

Sérgio Gonçalves

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.