Seat Leon SC

Teste ao novo Seat Leon SC

Published On 22 de Abril de 2013 | Ensaios

Seat Leon SC

Fomos a Barcelona testar o novo Seat Leon SC, a nova versão de três portas do carro que em Fevereiro revelamos aqui em primeira mão. O nosso teste foi feito antes da chegada do Sport Coupé ao mercado, juntamente com mais alguns bloggers de 5 países. Com esta versão a Seat alarga a oferta no segmento, com um carro mais desportivo, com um carácter distinto, com inovação e tecnologia e também com uma gama de motores bastante ampla.

A nossa jornada começou com uma apresentação dos valores da marca Espanhola. Uma marca que segue valores como o dinamismo, o design e um espírito jovem, mas que não esconde a ligação ao grupo Volkswagen, com a eficiência, fiabilidade e qualidade de construção como qualidades comuns.

Uma filosofia comum define também os novos modelos da Seat, em que a marca traduz numa palavra, Enjoyneering! A marca pretende que os seus clientes quando usufruem dos seus carros, não façam apenas uma viagem, mas que iniciem uma experiência, estimulando a imaginação e emoções. Para isto a marca assenta as suas novas criações em 5 pilares fundamentais: performance, tecnologia, inovação, eficiência e design.

design seat leon sc

Nesta apresentação, a Seat fez questão de focar alguns aspectos em que inovou na nova geração do Leon e algumas das diferenças face à versão de 5 portas. Características como a redução no comprimento do carro, um vidro traseiro mais inclinado, um novo design da traseira, são apenas alguns dos factores que distinguem esta versão de 3 portas. A Seat não se limitou a tirar uma porta de cada lado introduzindo assim características distintivas e um aspecto mais desportivo para esta versão. A gama será mais tarde reforçada pela versão familiar ST.

Houve também um foco na parte de engenharia e design, onde nos foram explicados algumas das soluções encontradas para resolver alguns problemas e algumas das conquistas da marca. Um dos aspectos focados foi por exemplo a espessura e inclinação do pilar A. A marca conseguiu uma redução interessante, melhorando a visibilidade, aspecto que tivemos a oportunidade de comprovar em estrada. No painel traseiro, a bonita prega formada pela chapa, não foi fácil de conseguir e a marca exibe também com orgulho a solução de engenharia encontrada, mas que é também uma das características mais interessantes nesta versão de 3 portas. Referência também para as diversas borrachas que envolvem e suportam os vidros, que não foram esquecidas e foram também revistas para melhorar o isolamento e diminuir os ruídos aerodinâmicos.

design-seat-leon-sc

Mas a parte de tecnologia e entretenimento disponíveis no Seat Leon SC são também muito importantes e um excelente trunfo deste modelo, principalmente porque normalmente não estão disponíveis neste segmento e a preços tão acessíveis.

Aqui o destaque vai para as ópticas full-LED, onde o Leon SC é realmente um pioneiro neste segmento. Para além do excelente design, estas ópticas tem muitos outros benefícios, nomeadamente o baixo consumo de energia ou a qualidade da luz conseguida, tornando a condução nocturna bastante agradável. Sensores inteligentes garantem também que o tráfego em sentido contrário não é afectado. As ópticas têm também baixa manutenção e os LED podem ser substituídos individualmente em caso de falha. Mas muito poderíamos dizer ainda sobre estas ópticas, que estão realmente muito bem conseguidas. Mais à frente explicarei como a Seat nos mostrou as capacidades desta tecnologia.

touch-screen

Ainda durante a apresentação foi nos mostrado e explicado como funcionavam e quais as características do sistema multimédia e dos sistemas de ajuda à condução, dois dos aspectos que também nos surpreenderam e que mais gostamos do teste efectuado.

Antes de passar ao teste propriamente dito, referência ainda para os motores disponíveis no Seat Leon SC. Todos os motores disponibilizados possuem turbo e injecção directa. Os motores são os conhecidos TSI e TDI com cilindradas que vão desde os 1.2 até aos 2.0 litros de cilindrada, com potências que começam nos 86cv e vão até aos 184 da versão TSI a gasolina. Destaque ainda para a versão 1.6 TDI com sistema Start/Stop que se apresenta com um consumo anunciado de 3.8l/100 e apenas 99g de CO2 por cada km. Para dizer a verdade, e apesar desta versão estar mais adaptada ao sucesso, preferimos testar as versões mais potentes e divertidas, com o destaque para o 1.8 TSI com caixa DSG.

test-drive-seat-leon-sc

O nosso teste foi dividido entre dois condutores num percurso por etapas durante a manha e a tarde, onde pudemos usufruir do Leon SC em estradas de montanha, e auto-estrada, num percurso bastante interessante e diversificado. O percurso estava já planeado no GPS do sistema de entretenimento touch screen. Uma das características muito interessantes é que mal a nossa mão se aproxima do display, o sistema passa do modo de apresentação para o modo de operação com as diversas opções a surgirem no ecrã. A componente gráfica está também bastante agradável, sendo de fácil visualização, apesar do tamanho do display ser ligeiramente inferior aos que podemos ver noutros carros.

No interior gostamos do design dos bancos e das cores utilizadas. O volante, apesar de fino para a versão mais desportiva, tem um design muito bem conseguido e uma qualidade excelente. As patilhas da caixa DSG são talvez pequenas e demoramos um pouco a encontrar a sua localização na fase inicial do percurso nas curvas mais apertadas. O tablier tem também um design agradável e com todos os componentes no local correcto.

Seat-Leon-SC-tsi-tdi

Ao nível da caixa de dupla embraiagem DSG, nada a apontar, a mesma apresenta-se como uma excelente opção, mesmo para os amantes da condução mais desportiva, com as passagens de caixa a fazerem-se em fracções de segundo. O carro fornece sempre informação sobre a velocidade engrenada e faz as correctas sugestões de passagens de caixa, quando no modo manual. O ruído do motor transmitido para o habitáculo é também muito emocionante. O chassis está à altura do carro com o destaque nesta versão para o eixo traseiro multi-link, que está disponível em todas as versões com mais de 150cv.

O comportamento do carro foi muito bom, com um bom compromisso entre a desportividade e o conforto. Não tivemos oportunidade de testar a fundo o poder de travagem nem a velocidade máxima anunciada de 224km/h com esta motorização. Testamos os vários modos de condução, tendo sido a nossa preferência durante o teste para o modo Sport.

Seat-Leon-SC-TDI

Outra das tecnologias disponível neste Leon é o pack de assistência à condução, com o sistema Lane-Keeping Assistant a mostrar-se bastante interessante. Este sistema analisa os sinais provenientes de vários sensores e dos inputs do condutor, assim como as câmaras disponíveis no exterior para manter o carro na estrada em caso de detectar fadiga ou distracção do condutor. O sistema faz pequenos ajustes na direcção electromecânica para manter o carro na faixa de rodagem, acompanhado de avisos sonoros e visuais. Tivemos a oportunidade de comprovar a utilidade e eficiência deste sistema em estrada.

A versão 1.8 que conduzimos tinha o nível de equipamento FR, com umas bonitas jantes de 18 polegadas. No pára-choques traseiro, um revestimento plástico dá um aspecto mais desportivo ao carro, mas o que realmente realça esteticamente o carro são os grupos ópticos. A traseira, vista de diversos ângulos está realmente muito bem conseguida. Talvez na frente a Seat devesse ter apostado num pára-choques mais agressivo, algo que poderá surgir numa eventual versão mais potente a lançar dentro de algum tempo, pois 184cv poderá ser pouco para um modelo que se pretende afirmar num público jovem e desportivo.

opticas-led-seat-leon-sc

A manhã passou rapidamente e chegamos ao Restaurante Caves Vilarnau para repor as energias e para uma sessão fotográfica. Aqui, a Seat tinha outra surpresa. Depois do almoço descemos para uma escura adega onde pudemos admirar as capacidades da iluminação do Leon. O design formado pelos DRL e ópticas traseiras é um dos aspectos que vai diferenciar e rapidamente fazer com que identifiquemos o Leon na estrada. Comprovamos também as capacidades deste tipo de iluminação. Mais tarde, num outro percurso passamos ainda por vários túneis onde comprovamos que as ópticas LED são realmente muito bonitas, principalmente quando circulávamos lado a lado com os outros Leon SC que participavam do teste.

Um outro pormenor foi visível na escuridão. Ao abrir a porta, um feixe de luz LED ilumina a porta. A luz é vermelha quando seleccionado o modo de condução Sport e branca nos outros modos. É apenas um pormenor, mas que é diferenciador face à normal luz de avisadora.

Durante o teste da parte da tarde, mudamos para a versão TDI de 150cv com caixa manual. O motor é já conhecido e não há muito a apontar. Este motor permite uma velocidade máxima de 211km/h e uma aceleração de 0 a 100km/h em 8.4s.

Seat-Leon-SC-entrevista

Alguns outros detalhes merecem ainda relevância, como por exemplo o subwoofer colocado na mala traseira por cima do pneu suplente ou a informação que se podem obter no sistema de entretenimento, sempre com um grafismo interessante.

Fizemos ainda uma passagem pelo canal olímpico para uma sessão fotográfica e voltamos ao Cubo, o local onde iniciamos o nosso teste.

O Seat Leon SC vai começar a ser comercializado em Maio, com 3 níveis de equipamentos, Reference, Style e FR. Os preços iniciam-se no nosso mercado nos 18350€.

Complementaremos ainda brevemente este artigo com mais alguma informação e vídeos realizados em Barcelona.

Seat-Leon-SC-21

Não podemos deixar de agradecer mais uma vez à Seat Portugal a oportunidade que nos deu de testar em primeira mão o novo Seat Leon SC. O evento, com a participação de bloggers de Alemanha, Itália, França, Espanha e Portugal, foi também uma forma original de mostrar e divulgar a marca.

Segue-me
Latest posts by Rui Augusto (see all)

5 Responses to Teste ao novo Seat Leon SC

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.