A Toyota aposta forte nos automóveis a hidrogénio com o FCV

Published On 25 de Junho de 2014 | Novidades

A marca japonesa revelou um novo automóvel movido a hidrogénio já em configuração final, ou seja pronto a ser produzido e respectivamente comercializado, e com isto colocar em segundo plano tanto os automóveis híbridos como os “eléctricos”.

dsc_0018-53aac79ae8051

É conhecida a popularidade do modelo Prius em todo o mundo, com valores de comercialização bastante risonhos, porém a Toyota afirma que o futuro dos automóveis não passará pelos automóveis totalmente eléctricos. Curiosamente a marca japonesa investiu recentemente muito dinheiro da Tesla, conhecida marca que produz automóveis totalmente eléctricos, mas isso não fará desviar do caminho traçado.

A Toyota já desenvolve a tecnologia das células de combustível há mais de 20 anos, e os frutos desse árduo trabalho, pesquisa e desenvolvimento irá ser colmatado com este novo modelo.

2015-Toyota-FCV-R-Concept-photos-8

Este será lançado no mercado doméstico (Japão) em Abril de 2015. Desconhece-se para já as datas de lançamento para o mercado Norte-Americano e Europeu.

Este modelo foi baptizado de Toyota FCV Sedan e funciona gerando electricidade através de um reacção química entre oxigénio e hidrogénio que é acondicionado em tanques de alta pressão. Ou seja a única coisa a ser gasta, é somente água.

toyota-fcv-concept-2013-tokyo-motor-show_100447150_l

A autonomia será aproximadamente de 430 milhas (692 km) e reabastecer apendas demorará menos de 3 minutos, ou seja muito melhor que os actuais modelos movidos a electricidade, e eliminando as duas grandes desvantagens desses; a fraca autonomia e demorado tempo de carregamento.

Porém nem tudo é perfeito e como a Toyota desejaria, e um dos grandes entraves é a falta de uma rede (suficiente) de abastecimento de hidrogénio no Japão (e também em todo o mundo).

dsc_0028-53aac7b00501f

O Governo japonês tem investido fortemente em estações de abastecimento, e já existe estes postos no continente norte-americano, em especial na Califórnia, ainda assim não são suficientes para o sucesso comercial pretendido.

O FCV terá um PVP de 69.000 dólares, qualquer coisa como 50.600 euros. Este valor irá concorrer directamente com o Tesla S em vários mercados onde é comercializado.

fcv-r_07

Não será fácil inicialmente convencer os potenciais clientes deste tipo de automóveis a adquirir este modelo nipónico em detrimento do Tesla S, modelo este que
já beneficia de inúmeros pontos de carregamento de baterias espalhados por todo o lado, ao contrário dos necessários para reabastecer este Toyota.

Ainda assim esta alternativa é uma grande promessa para o futuro e uma excelente alternativa aos automóveis eléctricos. O futuro nunca esteve tão próximo.

Sérgio Gonçalves
Latest posts by Sérgio Gonçalves (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.