Menu Fechar

TOYOTA GAZOO RACING RUMA A PORTUGAL PARA A PRÓXIMA BAJA DO W2RC

De 2 a 7 de abril, Grândola vai receber a terceira prova do Campeonato do Mundo de Rally Raid (W2RC), a única disputada este ano em território europeu. A TOYOTA GAZOO Racing (TGR), líder na classificação dos construtores, vai competir no BP Ultimate Rally Raid Portugal, que inclui etapas também realizadas em Espanha. Com um total de 1000 quilómetros, os pilotos da TGR irão enfrentar as vastas paisagens do Ribatejo e os pisos pedregosos da Extremadura espanhola.
 
A TGR volta a contar com duas participações oficiais, com Seth Quintero e Lucas Moraes, ambos ao volante da GR DKR Hilux. Lucas, juntamente com o copiloto Armand Monleon, também estará de volta à ação, depois de terem perdido o carro num incêndio durante a Etapa 3 do Abu Dhabi Desert Challenge 2024.
 
Após o arranque em Grândola, na Etapa 3, o rali entra em Espanha, com o bivouac a deslocar-se para Badajoz, antes de regressar a Grândola na Etapa 4.
 
Há cinco etapas competitivas no evento, com um prólogo para determinar as ordens de partida para a etapa de abertura a ter lugar na manhã de 3 de abril. A partir daí, as equipas seguem pelas zonas rurais portuguesas e espanholas, regressando ao bivouac central no finalde cada dia.

Para a TGR, a terceira ronda oferece mais uma oportunidade para marcar pontos valiosos. Atualmente, a Toyota tem uma vantagem de 31 pontos na classificação dos construtores, enquanto Lucas e Seth, que tem Dennis Zenz como copiloto, vão tentar recuperar terreno para os líderes.
 
Seth e Dennis sofreram um revés depois de danificarem o seu carro durante o Rali Dakar 2024, que serviu de ronda de abertura para o W2RC 2024. Isto impediu-os de marcarem pontos significativos para o campeonato, mas fizeram uma corrida estável e inteligente durante a segunda ronda, no Abu Dhabi Desert Challenge, terminando com a GR DKR Hilux EVO no terceiro lugar da geral. Isto elevou-os ao 8º lugar na classificação geral do W2RC, quando faltam três rondas para o final.
 
Lucas e Armand estiveram bem posicionados durante todo o Rali Dakar, ocupando um sólido terceiro lugar até à penúltima etapa do evento, quando tiveram um azar. A dupla perdeu muito tempo na etapa devido a um amortecedor partido e a um braço de suspensão comprometido e caiu na classificação, terminando em 9º lugar da geral. Isto colocou-os em desvantagem no W2RC, mas esforçaram-se muito no Abu Dhabi Desert Challenge, rodando no Top 5 nas duas etapas iniciais. Mas um incêndio no final da Etapa 3 destruiu o carro e, com ele, quaisquer esperanças de marcar pontos significativos no evento.
 
Ambas as equipas estão sedentas de sucesso na terceira ronda do W2RC e vão tentar tirar o máximo partido na prova organizada pelo ACP.
 
A quarta ronda da época verá o W2RC deslocar-se para a América do Sul para o Desafio Ruta 40 na Argentina, antes de se deslocar para Marrocos para a ronda final – o Rali de Marrocos, que terá lugar em outubro de 2024.

Sérgio Gonçalves

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.