58382362 2280432262020997 3331820733843111936 n 628x356 TOP 10 dos Ferrari mais baratos à venda em Portugal

TOP 10 dos Ferrari mais baratos à venda em Portugal

Published On 22 de Junho de 2020 | Carros usados

É uma marca de sonho, com grande história na competição automóvel em particular na Fórmula 1 que dá um enorme estatuto à marca do Cavalo Preto.

Porém não são para todas as bolsas, e os seus automóveis são dos mais caros que existem no mercado automóvel, quer falemos do mercado de usados como dos automóveis novos.

No entanto para muitos são um sonho, e nem todos os Ferrari custam para cima dos 6 digitos e esta lista poderá ajudá-lo a encontrar um exemplar que não irá deixá-lo na bancarrota, pelo menos no que toca à aquisição do mesmo.

Obviamente que são modelos com alguns anos e claro mais quilómetros do que é habitual em automóveis de luxo.

Ainda assim são Ferrari, modelos que muitos ambicionam ter na sua garagem ou até mesmo coleccionar.

Este TOP 10 inicia-se do mais valioso para o mais acessível.

58382362 2280432262020997 3331820733843111936 n TOP 10 dos Ferrari mais baratos à venda em Portugal

1 – Ferrari 456 M GTA – A versão mais completa do modelo 456.

É o modelo mais presente nesta lista porém todos têm as suas diferenças e diferentes configurações.

Este por exemplo é dos últimos 456 a serem produzidos em Itália.

De 2001 e com “apenas” 19.000 quilómetros sensivelmente torna-se também no mais valioso desta lista.

É comercializado pelas Lotuscar, tem um preço de venda ao público de 95.000€ e tem uma das cores mais vistas neste modelo, o tradicional cinza “prata”.

360 1024x683 TOP 10 dos Ferrari mais baratos à venda em Portugal

2 – Ferrar 360 F1 Spider: Um dos modelos com maior sucesso comercial da marca italiana.

É um dos automóveis mais reconhecíveis da Ferrari e por boas razões.

Começando logo pelo seu motor V8 de 3,6 litros que debita 400 cavalos e 372 Nm.

Acoplado a uma evolução da caixa automática de 6 relações que estava presente no modelo F355.

As performances superiores ao seu antecessor era mais que óbvias.

0 a 100 km/h em 4,6 segundos e uma velocidade máxima de 290 km/h nesta versão Spider.

Este bonito exemplar na cor vermelha está à venda no Stand Jorcar, tem 20.000 quilómetros, é de 2002 e tem um preço de venda ao público de 93.500€.

3 – Ferrari 456 M: Um modelo que reúne conforto, espaço e performance.

Esta versão é uma evolução do 456 “convencional” que tem como referência o seu motor V12 de 5,5 litros de capacidade.

São 442 cavalos e 550 Nm de binário que em união com uma caixa manual de 6 velocidades permite ao modelo acelerar de 0 a 100 km/h em 5,2 segundos e alcançar uma velocidade máxima de 310 km/h.

O modelo em questão exibe-se num tom cinza, é de 1999 e já percorreu 56.000 quilómetros desde novo.

Encontra-se à venda no Stand Porto Clássico e tem um preço de venda ao público de 90.000€.

4 – Ferrari 328 GTB (1987): Um modelo com motor central com um design inconfundível.

Neste exemplar pintado com a cor mais desejada no Mundo Ferrari, é possível ver as linhas desportivas e muito apelativas.

A sua designação representa muito claramente a sua motorização.

Os primeiros números representam a cilindrada (3,2) e o último algarismo o número de cilindros (8).

Em configuração este motor V8 produz 270 cavalos e 313 Nm de binário.

Com caixa manual de 5 velocidades este modelo tem performances de bom nível.

O exercício de 0 a 100 km/h em 5,5 segundos e uma velocidade máxima de 267 km/h fazem parte do seu cartão de visita.

Encontra-se à venda no Stand Jorcar e tem um preço de venda ao público de 88.950€.

5 – Ferrari F355 F1 Spider: Um ícone de enorme sucesso comercial.

Nesta versão Spider (descapotável), os felizes proprietários deste modelo irão deliciar-se em dose massiva com a sonoridade do motor V8 de 3,5 litros.

Depois com a ajuda da caixa automática de 6 velocidades com “patilhas” extrair sem dificuldade todo o “sumo” dos 380 cavalos e 363 Nm de binário.

Com um 0 a 100 km/h em 4,7 segundos e uma velocidade máxima de 295 km/h.

Este exemplar de cor vermelha tem cerca de 60.000 quilómetros percorridos desde novo e encontra-se à venda através do Stand Mecurito.

Para o adquirir terá que desembolsar 87.500€, o valor que os responsáveis do Stand estão a anunciar.

6 – Ferrari 456 GT: A mesma receita do 456 M com algumas pequenas diferenças.

De 1997 este bonito exemplar pintado num tom cinza prata conta com 72.000 quilómetros e é uma venda particular.

O vendedor pede 84.500€ por mais um 456 GT nesta lista.

7 – Ferrari 456 GT: Outro modelo semelhante nesta lista mas desta feita este modelo é propriedade de outro Stand.

Num tom azul muito bonito, este 456 encontra-se à venda no Stand Jorcar.

É de 1995, como os outros semelhantes desta lista conta com caixa manual, 46.000 quilómetros e está pronto para entrega.

Apenas precisa de desembolsar 77.500€ para o adquirir.

8 – Ferrari 355 F1 Berlinetta: O que difere do outro 355 nesta lista é o facto de este ser o modelo “fechado” e a cor (azul neste caso).

Usa o mesmo motor V8 de 3,5 litros e a mesma caixa automática de 6 velocidades com “patilhas” na coluna de direção.

As performances anunciadas são em tudo idênticas à versão descapotável.

Este exemplar encontra-se no Stand Auto Restelo, é de 1999 e conta com 56.000 quilómetros.

Tem um preço de venda ao público de 72.500€.

9 – Ferrari 348 TB: o antecessor do F355.

Este modelo pintado no tradicional vermelho da Ferrari foi o modelo anterior ao F355.

O seu motor V8 de 3,4 litros possui 300 cavalos de potência e 324 Nm.

Não foi o Ferrari mais “amado” de todos os tempos mas a pouco e pouco começa a ganhar o seu espaço entre os automóveis clássicos.

Com uma caixa manual de 5 velocidades, este modelo acelera de 0 a 100 km/h em 5,6 segundos e alcança uma velocidade máxima de 275 km/h.

À venda no Stand Altamontra este exemplar conta com 40.000 quilómetros percorridos e tem um preço de venda ao público de 69.900€.

10 – Ferrari Mondial T: O menos conhecido da lista e também o mais acessível, mas nem por isso o menos interessante.

Este desportivo 2+2 teve como principal objectivo substituir o Ferrari 308/208 GT4.

O seu motor V8 de 3,4 litros debita 300 cavalos e 321 Nm de binário.

Ou seja a mesma unidade presente no 348 TB que falámos anteriormente.

As performances contudo não era do mesmo nível mas não envergonham à época.

O exercício de 0 a 100 km/h consegue-o em 6,3 segundos e alcança os 255 km/h de velocidade máxima.

Este Mondial T encontra-se à venda no Stand Mecurito é de 1991 e percorreu “apenas” 12.400 quilómetros desde novo.

A qualquer momento esta lista pode sofrer alterações mas para já é o TOP 10 que pretendíamos.

Sérgio Gonçalves
Latest posts by Sérgio Gonçalves (see all)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.